Você está aqui:

Notícias

Seplag e Arsae simplificam processos

Grupo de Trabalho foi formado para otimizar processos

Grupo de Trabalho foi formado para otimizar processos

Lançada oficialmente em agosto, a Comunidade de Simplificação já colhe os primeiros frutos do trabalho, que já começou alguns mesesa antes. Na Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário (Arsae-MG),  o trabalho desenvolvido em parceria com a equipe da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) foi a Otimização do Macroprocesso de Fiscalização Operacional.

Com o trabalho, o tempo para elaboração do parecer técnico, por exemplo, caiu de 6 dias para 2,09 dias em seis meses de trabalho. Já o tempo médio de procedimento de fiscalização direta, que era de 69 dias corridos antes do trabalho da Comunidade de Simplificação, caiu para 23 dias corridos em julho de 2017. A elaboração de relatórios, que antes era feita em 25 dias, agora é realizada em 8 dias. Além dos prazos, houve redução significativa nos erros encontrados nos relatórios.

O diretor-geral da Arsae, Gustavo Gastão Corgosinho Cardoso, destaca que a principal melhoria foi o alinhamento e revisão das atividades realizadas pelas diversas áreas da Arsae-MG e a otimização dos trabalhos com a redução nos tempos de análise dos processos na Coordenadoria Operacional. “Com a melhoria do fluxo interno, conseguimos ter uma visão mais apurada do processo, fazer uma análise crítica e assim todo o trabalho é feito de uma maneira mais simples e otimizada”, explica.

Um grupo de trabalho com servidores da Seplag e da Arsae foi formado com alguns objetivos. Entre eles, reduzir o número de instâncias de revisão e validação dos produtos, dar foco na melhoria do serviço de abastecimento de água e esgotamento sanitário, centralização da gestão documental, descentralização e responsabilização pelas entregas, integração entre as áreas e a padronização de procedimentos, dando maior clareza e objetividade aos critérios adotados nos relatórios.

A diretora central de modernização e inovação em processos da Seplag, Vanice Cardoso Ferreira, destaca a importância do envolvimento das áreas e o apoio da alta gestão para o sucesso da iniciativa. "Esta é mais uma iniciativa que demonstra que é possível gerar melhorias significativas sem necessariamente demandar recursos ou custos adicionais. A otimização do macroprocesso de Fiscalização Operacional foi possível a partir do envolvimento e dedicação dos servidores da Arsae-MG, com apoio da equipe técnica da Seplag, gerando melhorias para a sociedade sem nenhum custo adicional para o Governo. Pelo contrário, eliminamos desperdícios e retrabalhos e possibilitamos melhor utilização dos recursos disponíveis". 

“Com a expertise adquirida pela nossa equipe, agora vamos implantar as mudanças também na Coordenadoria Econômica. A Seplag participará como consultora e mediadora nos trabalhos”, conta o diretor-geral da Arsae.

Notícias relacionadas

Seplag lança Comunidade de Simplificação para fomentar a inovação e a modernização na gestão pública de Minas Gerais

Dentre as atividades a serem desenvolvidas na Comunidade estão espaços presenciais e virtuais para a troca de experiências, fóruns de discussão, disponibilização de conteúdos e o desenvolvimento de ações e capacitações em temas diversos que possam contribuir para o desenvolvimento das iniciativas.

Comunidade de Simplificação promove oficina de “Design Thinking”

Voltadas para a reflexão e busca de alternativas ao desafio “Como podemos fomentar a gestão de projetos inovadores no setor público?”, a realização das oficinas foi articulada pelo Núcleo Central de Inovação e Modernização Institucional (NCIM), da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão.