Você está aqui:

Notícias

Música Minas promove shows e oficinas de tambores na Itália

 Programa Música Minas promove shows e oficinas de tambores na Itália

Integrantes da Divina Banda fazem primeira apresentação na Europa; viagem foi viabilizada com recursos do edital da Secretaria de Estado de Cultura

 

A Divina Banda já nasceu com o status de supergrupo. Criada este ano para homenagear o músico Marilton Borges - integrante da Banda Santa, uma das mais tradicionais bandas de carnaval da capital -, o grupo reúne em seu corpo nomes importantes da música produzida em Minas Gerais. Maurício Tizumba, Rodrigo Borges, idealizador do projeto e filho de Marilton, Ian Guedes, filho de Beto Guedes, e Jorge Continentino são alguns dos músicos que integram a banda, que traz em seu DNA o carnaval do bairro Santa Tereza, a MPB e o tambor mineiro.

O grupo, que fez sua estreia em maio no famoso Bar do Museu Clube da Esquina, se apresenta pela primeira vez fora do país nesta quinta-feira (26/10), na Casina Pompeiana, em Nápoles, sul da Itália. A trupe também ministra oficinas de tambores aos italianos.

A viagem foi viabilizada com recursos do programa Música Minas, edital da Secretaria de Estado de Cultura (SEC) que promove o intercâmbio cultural e viabiliza viagens por municípios de todo o Brasil e dos cinco continentes do mundo.

Somente neste ano 56 propostas foram contempladas pelo edital, que levou artistas mineiros a lugares diversos como Japão, Alemanha, Argentina, África, Suíça, além de outros estados, interior do Brasil e de Minas Gerais.

O convite para a Divina Banda se apresentar na Itália partiu de Bruno Marfé, diretor da Casina Pompeiana, onde a banda realizará shows de 26 a 28 de outubro, e do Conselheiro de Cultura de Nápoles, Nino Danielle.

“Estamos muito felizes com essa oportunidade. Ficamos muito honrados por termos sido contemplados pelo Música Minas. Ter o projeto endossado pela Secretaria de Estado de Cultura constata a força do tambor mineiro e nos coloca como embaixador na Itália dessa expressão cultural. Isso é muito significativo para nós”, avalia o guitarrista Rodrigo Borges.

No dia 28 de outubro, quando a Divina Banda faz seu show de despedida em solo italiano, a rede de televisão estatal do país de Verdi, a RAI, veiculará a apresentação ao vivo em cadeia nacional.

“Para nós é muito importante ter essa visibilidade. Trocar experiências nos modos de tocar os tambores e levar para a população italiana a cultura do tambor mineiro é um privilégio.  Esse intercâmbio cultural é um início de um casamento cultural longevo com a Itália”, acredita Rodrigo.

Notícias relacionadas

 Fundação Clóvis Salgado realiza audição de músicos, cantores e bailarinos para recompor corpos artísticos
29/11/2017

Para o ato da inscrição, os candidatos deverão estar de posse da ficha disponibilizada no site da APPA (www.appa.art.br), devidamente preenchida, acompanhada da fotocópia dos documentos exigidos, que devem ser entregues no endereço da APPA (Rua Boa Esperança, 405, Sion) ou via SEDEX.

Conceição Evaristo é a grande vencedora do Prêmio Governo de Minas Gerais de Literatura
01/12/2017

Pela primeira vez, uma escritora negra é a ganhadora na categoria conjunto da obra. Autora de uma obra extensa, que inclui prosa e poesia, a belo-horizontina também ficou conhecida pela importância e densidade de seus romances, como “Ponciá Vicêncio” e “Becos da Memória”.

Estado viabiliza instalação da biblioteca de Fernando Morais na cidade de Mariana
04/12/2017

Localizada em pleno centro histórico da cidade, a área receberá a edificação, na qual serão realizadas atividades culturais variadas e também funcionará, aberta ao público, a biblioteca de Fernando Morais. As obras devem começar no início de 2018.